sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Mesmo preso Cabral continua no crime. Pastor afirma que Cabral pediu falsa doação de Home Theater pra curtir na cadeia



Não basta todo o estrago que o ex-governador Sergio Cabral e sua gangue (boa parte dela no presídio com ele, mas outros ainda do lado de fora e mandando por aqui e lá dentro) causaram e ainda causam ao estado do Rio e a seu povo.

Centenas de milhares de funcionários públicos sem receber salários, falta de verba em todas as áreas, educação, saúde, segurança pública, tudo isso graças à maior roubalheira da História, mas Cabral, mesmo preso, continua a aprontar, como se nada tivesse acontecido.

Outro dia surgiu lá na cadeia de Benfica, onde ele está preso com alguns comparsas (há até um criminoso condenado por assassinato e tráfico que faz sua segurança no local), a notícia de que fora instalado um home theater, com aparelho para reprodução de blue ray em 3D e mais de uma centena de dvds para o lazer da quadrilha.

Quando a Justiça foi em cima, alegaram que era doação de uma igreja. O pastor responsável pela igreja negou. E agora outro pastor conta outra história: foi Cabral quem pediu que ele assinasse uma falsa doação para "limpar" os equipamentos, que certamente foram adquiridos pelo bando.

Clique aqui e passe a receber notificações do Blog do Mello no seu WhatsApp
Você vai ser direcionado ao seu aplicativo e aí é só enviar e adicionar o número a seus contatos

O advogado do pastor Carlos Alberto de Assis Serejo afirmou, por meio de nota publicada nas redes sociais, que ele e uma missionária se reuniram com o ex-governador Sérgio Cabral, numa biblioteca do próprio presídio, onde foram convencidos a assinar o termo de uma doação que não existiu, para justificar a presença de equipamentos para o "cinema" que seria instalado na Cadeia Pública José Frederico Marques, em Benfica, na Zona Norte do Rio.
O advogado Heckel Garcez Rodrigues Ribeiro contou que a assinatura do documento teria ocorrido no dia 27 de outubro, por volta das 15h30.
“No decorrer do aludido culto, enquanto o pastor Cesar pregava, Carlos Serejo e a missionária Clotildes foram chamados à biblioteca da penitenciária pelo preso Sérgio Cabral. Após chegar ao referido local, o detento expôs a necessidade de que um representante de instituição religiosa ou filantrópica assinasse documento de doação de alguns equipamentos eletrônicos (TV, DVD e Home Theater) que, segundo Cabral, já estavam no local, a fim de legitimar o uso destes pelos presos”, destaca a nota. [Fonte: Jornal do Brasil]

 A importância dos Leitores  

No mundo inteiro, a comunicação alternativa e os sites de esquerda estão sob ataque dos governos e da mídia corporativa. Para enfrentar esse cerco é fundamental a participação ativa dos leitores:
  • compartilhando as postagens nas redes sociais
  • fazendo uma assinatura
Participe. Compartilhe os textos em suas redes. E faça uma assinatura. É seguro, rápido e fácil. Todos os cartões são aceitos e você pode cancelar a assinatura a qualquer momento. Apenas R$10. Assine

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Aqui, comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...