segunda-feira, 28 de novembro de 2016

Acordo de Moro com os EUA é como aquele entre a galinha e o porco para fazer ovos com bacon



O juiz Moro parece patrocinar um acordo entre Brasil e Estados Unidos semelhante àquela sociedade que a galinha propôs a um porco para fazerem ovos com bacon. Os EUA seriam a galinha. Por ser lesivo ao Brasil, o tal acordo tem que permanecer oculto.

Mais uma vez uma testemunha no caso da propriedade do triplex do Guarujá pelo ex-presidente Lula declara que prestou depoimento a autoridades americanas sobre a corrupção na Petrobras.

Quando advogados de Lula pediram esclarecimento a essa testemunha, o juiz Moro a proibiu de falar no assunto. Como fez com todas as outras anteriores.

"Não vou colocar em risco uma eventual tratativa que a testemunha tenha no exterior por um mero capricho da defesa", disparou Moro. [ Fonte: GGN]

Para além da questão de se seria ou não crime de lesa pátria brasileiros prejudicarem a Petrobras diante de um país estrangeiro (questão que mais dia, menos dia, vai vir à tona), há uma outra, a de que depoimento de um brasileiro a autoridades de outro país deve passar primeiro e obrigatoriamente pelo Ministério da Justiça, o que parece que não tem sido feito pelo juiz Moro.

Comente com o Facebook:

Nenhum comentário:

Aqui, comentário

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...