sexta-feira, 12 de agosto de 2016

Na cara de Cunha delator confirma que ele lhe pediu US$ 5 milhões 'porque tinha 200 deputados para sustentar'





De nada adiantou a estratégia de Eduardo Cunha de tentar intimidar o lobista Júlio Camargo, um dos delatores da Operação Lava Jato, comparecendo a seu depoimento na 6.ª Vara Criminal Federal da Justiça Federal em São Paulo. Camargo não se deixou intimidar e na cara de Cunha confirmou ao juiz que foi extorquido por Cunha por um motivo insólito: Cunha tinha 200 deputados para sustentar.

O lobista Júlio Camargo, um dos delatores da Operação Lava Jato, confirmou em depoimento ao Supremo Tribunal Federal que, em 2011, foi pressionado e extorquido pelo deputado Eduardo Cunha (PMDB/RJ) – ex-presidente da Câmara – a pagar propina de US$ 5 milhões. “Para justificar a cobrança dos valores, ele (Eduardo Cunha) disse que tinha uma bancada de mais de duzentos deputados para sustentar”, afirmou o delator.

Taí a fonte do poder do inacreditável Eduardo Cunha, que até hoje não perdeu o mandato de deputado federal e continua a ameaçar políticos acusados de corrupção, incluindo o usurpador que interinamente ocupa a presidência da República: ele os tem no bolso.


Rodrigo Maia vai fazer como Cunha e exigir atestado médico para quem faltar à votação da cassação de Cunha?





Na votação do início do processo de impeachment da presidenta Dilma, Eduardo Cunha, então ainda presidindo a Câmara, tinha um só medo de derrota: a abstenção, deputados que poderiam não comparecer à votação alegando, já que Eduardo Cunha tornara a presença obrigatória, doença. Para combater isso, ele anunciou que exigiria atestado médico dos possíveis faltosos. Mais ainda: ameaçou submetê-los a uma junta médica da Câmara.

Agora, na votação da cassação do mandato de Cunha, jogada pelo novo presidente da Câmara Rodrigo 'Meu Paipai' Maia para 12 de setembro, depois da votação do julgamento do impeachment, Maia vai fazer o mesmo, exigir atestado médico dos faltosos e ameaçá-los com junta médica?

Porque a estratégia para livrar a cara de Cunha é clara. A votação vai ser numa segunda-feira, que é o segundo domingo a que todo deputado se dá o direito semanalmente, o que já garante baixo quórum.

Além do mais, ela vai ocorrer no auge das campanhas municipais, o que vai servir de desculpa para outros faltosos.

Sem contar os que ficarão subitamente "doentes" bem no dia da votação.

Vai Rodrigo Maia exigir presença de todos e atestado médico dos possíveis faltosos, ou tudo está ocorrendo de acordo com o script do governo golpista Temer-Cunha que quer livrar Cunha da cassação para que ele não abra a boca e destrua o governo em dois tempos?

Aliás, mais uma pergunta: por que o juiz Moro ainda não determinou a prisão da mulher e da filha de Cunha para "prestar depoimento" na Guantánamo curitibana?

O golpe, meus amigos, é sujo e descarado, com os truques jogados na nossa cara, como um show de mágicos feito para uma plateia de cegos.

quinta-feira, 4 de agosto de 2016

Cientistas querem encrenca: 'Orgasmo feminino não tem função há 75 milhões de anos'




Quando não estão invadindo um país produtor de petróleo (ou apoiando um golpe de Estado, como o de agora no Brasil), os Estados Unidos gostam de arrumar encrencas. Eles adoram um conflito.

É tanta encrenca que o Wikipedia criou uma página só com elas. Mas dessa vez eles podem ter ido longe demais e resolveram se meter num vespeiro: uma discussão sobre o orgasmo feminino.

Enquanto no homem o orgasmo tem a função de transferir esperma (nem sempre para o endereço desejado para a perpetuação da espécie...), qual a função do orgasmo na mulher?

Cientistas dos EUA dizem ter resolvido o enigma:

Um novo estudo realizado por cientistas da Universidade de Yale e do Hospital Infantil de Cincinnati sugere que o orgasmo feminino é um vestígio de nosso passado evolutivo, quando as fortes descargas de hormônios que acompanham o clímax eram necessárias para a mulher ovular.


"Sugerimos que o homólogo do orgasmo humano é um reflexo que, ancestralmente, induziu a ovulação", diz a conclusão do estudo.

(...) Os pesquisadores observaram que a ovulação induzida apareceu antes da ovulação espontânea, que teria surgido há cerca de 75 milhões de anos.


O orgasmo feminino seria, então, um resquício desse passado ancestral comum, quando uma forte descarga hormonal era necessária para uma função tão vital como a ovulação.[Fonte: BBC]

Ou seja, descobriram que o orgasmo feminino não tem função há 75 milhões de anos. Quero ver dizerem isso na cara de uma mulher...

Por mim, a descoberta só veio aumentar minha admiração pelas mulheres. Enquanto nosso gozo tem subjacente a função da reprodução ( embora na grande maioria das vezes esta não seja motivo ou intenção que leve ao orgasmo), as mulheres podem dizer, agora baseadas na pesquisa dos EUA, que gozam apenas por prazer…

domingo, 31 de julho de 2016

Efeito Temer: Cristovam diz que impeachment pode ressuscitar PT como Temer disse que câncer fez bem a Pezão



O efeito benéfico da traição, segundo os traíras.

Ao dizer que câncer pode ser uma coisa útil, Temer tenta se autojustificar, mas é inútil


Em encontro com o governador do Rio, Pezão, de licença para tratamento de câncer, o vice-presidente no exercício da Presidência, golpista Temer, saiu-se com esta:

    "Quero registrar a alegria de reencontrar o Pezão. Até dizia a ele, que existem coisas que parecem maléficas que vêm para o bem. Vou tomar a liberdade de fazer um comentário pessoal: Você está até mais bonito. Acabou sendo uma coisa útil para o Pezão — disse o presidente interino".

Tentando parecer à vontade no evento em que colhia louros que não plantou, o golpista Temer quis dar ao câncer uma utilidade, como que se autojustificando.

Mas não, Temer, o câncer, como você, são células degeneradas que destroem o organismo em que se instalam e por isso têm que ser extirpadas.

sábado, 30 de julho de 2016

Reportagem da Globo critica demolição do Palácio Monroe sem citar que O Globo foi o principal responsável por ela



André Trigueiro fez uma reportagem ontem na Globo sobre o metrô do Rio de Janeiro. Nela, fala sobre a demolição do Palácio Monroe e da perda que isso significou para a cidade.

Só esqueceu de informar ao distinto público que o principal responsável por essa demolição foi o jornal O Globo, que fez uma campanha intensa e diária com esse objetivo.

Mas está aí acima a reprodução de um trecho do próprio jornal que não me deixa mentir.

Abaixo, o espetacular Palácio demolido pela campanha de O Globo.



quinta-feira, 28 de julho de 2016

Não foi por 20 centavos. Foi pela taxa de juros, 'estúpido'!





O "estúpido" do título faz referência à famosa frase do marqueteiro de Bill Clinton, James Carville, explicando a vitória de seu candidato sobre o aparentemente invencível Bush: "É a economia, estúpido!".

Olhando o gráfico acima, é possível ver que a queda de Dilma começou a ser desenhada quando ela jogou a Selic a seus mais baixos índices (7,25). Os rentistas ficaram loucos. O Mercado pirou. Começou o Delenda est Dilma (Dilma deve ser destruída).

Em junho de 2013, o Movimento Passe Livre foi às ruas em São Paulo contra o aumento de 20 centavos na passagem de ônibus em São Paulo (friso). Curiosamente, um problema local se espalhou pelo Brasil e a reivindicação inicial (o fim do aumento) se transformou em fora Dilma, fora PT.

Isso aconteceu graças aos que pegaram carona no movimento inicial e o ampliaram para alcançar seus objetivos: políticos corruptos querendo o fim da Lava Jato; políticos sem voto, ou sistematicamente derrotados nas urnas, querendo o poder através do golpe; vendilhões entreguistas, como Serra e FHC, que querem vender a Petrobras desde o governo FHC; os Estados Unidos, que querem quebrar o BRICS; e eles, os rentistas, que se deliciam com as mais altas taxas de juros do mundo, agora de volta. Taxa mantida pelo BC semana passada em 14,25, quase o dobro do início de 2013.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...